ANUNCIANDO O EVANGELHO DE JESUS CRISTO NA CIDADE DE CURITIBA - PR.

domingo, 14 de fevereiro de 2010

EVANGELISMO DE CASA EM CASA

O trabalho de evangelismo é realizado em casa. A reunião se dá aos domingos em horário que principalmente possa ser conveniente aos visitantes. São convidados amigos não-cristãos e, quando há interesse em conhecer o trabalho de igrejas em casas, também irmãos em Cristo participam na celebração da ceia do Senhor em nossa casa. É uma grande comunhão, pois o evangelho (boas novas) é pregado para àqueles que ainda não conhecem Jesus e uma refeição é compartilhada num gesto de verdadeira comunhão. Mesmo que no início ou em alguns domingos estejamos apenas nós dois, como foi na primeira vez em que celebramos a Ceia do Senhor em nossa casa, ainda no chão em meio as nossas coisas durante a mudança.

O PRIMEIRO MÊS - DEZ/2009

No mês de dezembro de 2009 oficialmente iniciamos o trabalho de realizar a Ceia do Senhor em nossa casa, mais precisamente no dia 13, dia também em que comemoramos nosso primeiro ano de casamento.Durante a semana Monique estuda a Bíblia com três moças, duas delas recentemente tomaram a decisão de serem batizadas em Cristo nas águas. Agora são discípulas do nosso Senhor.

Uma dessas moças é a Genyfer, que já havia tomado a decisão de seguir a Jesus anteriormente e fora batizada antes de nos reunirmos em casa. Agora a Monique continua a estudar a Bíblia com ela para ensinar "todas as coisas que vos tenho ordenado" - como disse nosso Senhor Jesus Cristo.

Outra moça é a Micheli Quirino. Ela se formou em psicologia recentemente pela Faculdade Evangélica do Paraná, onde a Monique faz sua complementação de Teologia e o Luis estuda também psicologia. E foi através da amizade do Luis com a Micheli que então ele a apresentou para a Monique, elas duas se conheceram numa semana e no primeiro dia em que estudaram a Bíblia juntas a Micheli já tomou a decisão de se tornar uma discípula de Jesus Cristo. Na semana seguinte foi batizada.E a terceira moça é a Luciana Camuri, também psicóloga que trabalha com o Luis na empresa de assessoria em recursos humanos, onde inclusive a Micheli começou a trabalhar em dezembro. O Luis também falou a respeito de Jesus para a Luciana e convidou-a para estudar a Bíblia com a Monique.

"Estou muito feliz com as bênçãos de Deus em nossas vidas (minha e do meu esposo) concedidas nesse final de ano de 2009, desde a conquista do nosso apartamento ao trabalho de evangelismo em tempo integral. Sou muito grata a Deus pela honra de trabalhar como obreira na cidade de Curitiba e poder abrir a nossa casa para o início de uma grande obra. Agradeço aos nossos patrocinadores que acreditam nesse trabalho (igrejas nos lares) nos apoiando financeiramente para que o evangelho de Cristo seja pregado a todos. E também aos irmãos e amigos que oram por nós diariamente. Por favor, continuem orando pela vida de nossas novas irmãs Micheli e Genyfer para que cresçam no Senhor e pela Luciana, que ela possa compreender e aceitar o evangelho de Cristo. Que Deus nos abençoe e nos fortaleça cada vez mais na sua palavra e no amor uns para com os outros, pois é assim que seremos reconhecidos como verdadeiros cristãos".


Em Cristo,
Monique Bernardo

quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

JANEIRO DE 2010

“...E nas suas casas partiam o pão e participavam das refeições com alegria e humildade.” At. 2.46bNo mês de janeiro fomos convidados para participar do noivado do nosso irmão Diego que pediu para o Luis falar uma mensagem especial nesse dia. O Diego é um rapaz muito querido por nós, pois o Luis apresentou o evangelho pra ele no ano passado, e este veio a aceitar com muito entusiasmo. Somos gratos por fazermos parte de sua vida e pela nova pessoa em Cristo que ele é hoje.Neste mês também recebemos em nossa casa nos dias 16-18 nossos amados irmãos que se reúnem em sua casa na Zona Leste de São Paulo, Bryan e Jaqueline Bost. Ficamos felizes com a visita deles e poder compartilhar muitas bênçãos que o Senhor têm feito através de várias casas em diversos lugares do Brasil. Realmente vemos Deus agir por meio de muitas famílias que têm o desejo de abrir sua casa e anunciar o evangelho a outros, sabendo que é Deus quem dá o crescimento. Durante esses dias passeamos com eles pela cidade de Curitiba, juntamente com nossos amigos Túlio e Elize e os pais do Túlio. Visitamos um casal de amigos e irmãos em Cristo, uma família que estimamos muito, na qual no ano passado apresentamos o evangelho para ela (Jane). Nisso podemos ver o quanto é bom vermos o crescimento dos irmãos na fé em Jesus, na união e no seu amor.
Também recebi em nossa casa duas irmãs que amamos muito: Genyfer, que se batizou em agosto do ano passado e sua avó, Dona Lourdes. Eu (Monique) tenho ensinado Genyfer toda semana em nossa casa sobre como permanecer firme no caminho de Jesus e praticar Seus mandamentos. Fizemos também uma visita para a Luciana, com quem a Monique estuda a Bíblia todas as semanas em nossa casa e conhecemos o Carlos. Os dois são do Rio de Janeiro e moram em Curitiba a quatro anos. Desde então começamos a estreitar ainda mais nossa amizade. Principalmente porque o Carlos me ajudou (Luis) muito a preparar uma festa surpresa para a Monique no dia seguinte, que foi seu aniversário. A família de nosso amigo Dionardo de Quatro Barras esteve presente (sua esposa Marta, sua filha Priscila e uma amiga dela), também a Camila, o Túlio, a Suelem (que trabalha com a Luciana e a Micheli), a Luciana e o Carlos.
Neste mês participamos de um grupo com casais na casa de nossos irmãos Túlio e Elize. Este grupo teve como objetivo estimular conversas a cerca do casamento em três áreas consideradas como o “tripé” de toda relação funcional: Comunicação, Coesão e Flexibilidade. Foram realizados três encontros, um para cada tema respectivamente, tendo a história de Adão e Eva como base. No terceiro encontro fizemos uma confraternização (churrasco) com os casais no qual, além de ter sido muito divertido, nossa amiga Luciana tomou a decisão de se tornar discípula de Jesus Cristo.
Luciana tomou esta decisão depois de estudarmos durante dois meses sobre o evangelho de Jesus em nossa casa. Ficamos muito felizes com sua decisão de ser uma seguidora de Jesus. O batismo dela foi dentro de uma banheira de hidromassagem que há na casa dos pais do Túlio, porém tinha água suficiente para cobri-la por inteira. Agradecemos as orações dos irmãos para que Luciana tomasse a decisão de aceitar o Senhor Jesus como o Salvador de sua vida, receber o perdão dos seus pecados e o Espírito Santo. Hoje, com a benção de Deus, Luciana é nossa mais nova irmã. Agora, pedimos oração para a conversão do seu esposo Carlos.

Micheli Quirino, que foi batizada no mês passado, continua estudando a Bíblia semanalmente comigo em nossa casa e seu namorado (Daniel) já participou conosco num domingo. Pedimos a todos orações por ele para que aceite o Evangelho de Jesus também. Micheli e Luciana trabalham juntas no antigo emprego do Luis e ambas têm se desenvolvido muito na fé.


“Este mês de Janeiro foi um mês de muitas realizações, alegrias e um início de uma nova caminhada para nós. Portanto queremos agradecer a Deus pela oportunidade em tempo integral na qual eu me dedico para evangelizar e ensinar mulheres sobre a Palavra de Deus. Sou muito grata também pelos nossos patrocinadores que são as igrejas em casas de São Paulo e nossos amigos que nos apóiam em tudo, Túlio e sua querida esposa Elize, pois eles participam desse privilégio de ofertar financeiramente no trabalho das igrejas nos lares na cidade de Curitiba. Agradeço a Deus a alegria de nos conceder o sustento necessário e o novo trabalho do Luis. O Senhor tem feito grandes coisas sempre mais do que pedimos ou pensamos. Que possamos ser cada vez mais fiéis a Jesus demonstrando o Seu amor para com os outros, pois assim seremos reconhecidos como verdadeiros cristãos.”


Em Cristo,
Monique S. Bernardo

quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

FEVEREIRO DE 2010

Durante a semana eu e a Luciana nos encontramos em casa, eu a ensino dentro das Escrituras como os discípulos de Jesus permaneceram fiéis a Ele depois do batismo. A Luciana se batizou recentemente e está feliz com a nova vida em Cristo. Como de costume, nesse dia (10) ela veio em casa, porém acompanhada do Carlos. Sendo assim o Luis esteve presente para anunciar o Evangelho para ele e mais uma vez vimos o que diz a Bíblia sobre “a vida dos primeiros discípulos” em Atos 2, eles puderam observar, principalmente o Carlos, que para se tornar um discípulo de Jesus é preciso tomar a decisão de arrepender-se dos seus pecados e batizar em nome de Jesus para o perdão dos pecados e receber o Espírito Santo. E graças a Deus o Carlos entendeu a mensagem do evangelho e ficamos muito contentes por anunciar Jesus como Senhor e Salvador para mais uma pessoa. Ele saiu de nossa casa demonstrando alegria por entender a mensagem e refletindo sobre o que isso implica de forma prática para nossas vidas.
No dia 13 fomos para Mandirituba, região metropolitana da cidade de Curitiba. Fomos visitar nossos irmãos Johny e Patrícia que se mudaram para essa cidade há um mês, pois Johny foi transferido no trabalho. A viagem foi longa, porém muito gostosa principalmente por saber que nossos irmãos estão muito bem lá. Johny estudou o evangelho com o Luis no ano passado e tomou a decisão de tornar-se um discípulo de Jesus. Estamos orando pelo casal e pela nova vida em Mandirituba, que eles possam abrir a casa deles para outras pessoas conhecerem o evangelho de Cristo.

No dia 14 (domingo de carnaval) celebramos a ceia numa cachoeira chamada “Recanto dos Papagaios” aqui mesmo em Curitiba. Fizemos um piquenique lá com nossos amigos Carlos e Luciana. Foi muito gostoso, pois acreditamos que a igreja do Senhor se reúne em todo lugar para lembrar o sacrifício de Jesus e que não está “presa” no conceito de se reunir num local específico, porque a igreja somos nós. Portanto, não são casas, prédios, escolas, mas são pessoas que decidiram seguir Jesus e lembrar o sacrifício Dele onde quer que esteja no domingo.

Mais uma alma faz valer o sacrifício de Jesus Cristo.

video

E foi assim, em trajes de banho, a beira de uma cachoeira, num domingo de sol, fazendo um singelo "pic nic", mas nunca nos esquecendo do sacrifício de Jesus Cristo por nós todos. Celebramos a Ceia do Senhor sentados numa pedra ao som da água forte que corre no rio. Cenário maravilhoso criado por nosso Criador e Pai. Não precisamos estar presos a ter que comparecer a nenhum lugar específico no domingo chamado de "Igreja", nem estamos presos a uma casa ou seja lá onde for, somos livres em Cristo Jesus. Fomos libertos do pecado e da Lei do Antigo Testamento, por que criar uma nova ou novas leis para o Novo Testamento? Que na verdade nem estão escritas no Novo Testamento, como o uso de prédios e organizações humanas que tentam DETERNINAR como servir ao Senhor fora do contexto em que Cristo nos ensina!

Por que os cristãos não podem ir aos domingos para a praia, uma chácara, um bosque ou cachoeria com sua família ou alguns amigos (de preferencia que haja entre eles pessoas que ainda não são discípulos de Jesus para que possam ouvir a mensagem do Evangelho) e celebrarem a Ceia do Senhor?

Ao invés de nos fecharmos em nosso "mundinho" de "crente", reunindo-nos todo domingo como num "clubinho" de gente "santa" capitalista e protestante ou católico, vamos ao mundo todo cumprir com as ordens do nosso Senhor: "Portanto, vão a todos os povos do mundo e façam com que sejam meus seguidores, batizando esses seguidores em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo e ensinando-os a obedecer a tudo o que tenho ordenado a vocês. E lembrem disso: eu estou com vocês todos os dias, até o fim dos tempos" (Mateus 28. 19-20).

Ao lado temos a foto que tiramos durante uma visita neste mês na casa da Dona Lourdes e da Genyfer. Dona Lourdes continua, como sempre desde os tempos em que eu (Luis) estudava no instituto Bíblico, apoiando-me de diversas formas. Ela nos recebe em sua casa, ora por nós e sempre está nos doando algo que para nós é muito útil e importante. Acima de tudo respeita nosso trabalho mesmo não participando das reuniões em nossa casa. Somos muito gratos ao Senhor por sua via e de toda sua família. Pedimos aos irãos que continuem orando pelo crescimento espirital da Genyfer e que ela e a Monique possam continuar a se encontrar todas as semanas.

Assim como a Monique continua a receber em nossa casa todas as semanas a Luciana e agora combinaram continuarem os estudos juntamente com a Micheli. O Carlos também tem se desenvolvido na Fé e estamos muito contentes com tudo isso. Agradecemos a todos que oraram pela vida de nossos irmãos mais novos, pois testemunhamos e ouvimos falar de muitas coisas boas sobre o que o Senhor tem feito em suas vidas.








Sendo assim, hoje podemos dizer que "igrejas em casas" realmente são igrejas, pois em mais de uma casa hoje se reúnem para celebrar a Ceia do Senhor todos os domingos. As vezes em nossa casa, as vezes na casa do Carlos e da Luciana como na foto acima. E não apenas em casas, mas a beira de cachoeiras, na praia, no intervalo do trabalho (Como fazem nossos irmãos no Nordeste do Brasil) ou onde quer que esteja a igreja, que somos nós, pessoas e não prédios ou organizacões denominacionais CONTROLADAS por pastores, missionários, evangelistas ou obreiros em "tempo integral".

Que o Senhor abençoe a todos os irmãos e irmãs que estão livremente anunciando o Evangelho de Cristo em suas casas e por onde vão, levando apenas a mensagem de Jesus e não afirmando que é preciso fazer parte de uma ou outra "Igreja Verdadeira" para ser salvo.

Glória a Deus pra sempre!

terça-feira, 29 de dezembro de 2009

MARÇO DE 2010

“Dou graças a Cristo Jesus, nosso Senhor, que me deu forças e me considerou fiel, designando-me para o ministério.” 1 Tm 1.12

Quero agradecer imensamente a Deus e aos nossos patrocinadores da obra aqui em Curitiba, pois Deus está fazendo crescer a cada dia. Também quero agradecer o apoio do meu esposo e sua dedicação porque estamos sempre juntos nos estudos bíblicos, nas viagens, nas visitas e até mesmo em nossa casa recebendo pessoas com alegria e amor. São muitas as bênçãos, porém nem todas podemos tirar fotos para registrar momentos tão especiais. Mas, Deus sabe de tudo e de todas as coisas. Enfim, estamos felizes com o trabalho e com as almas sendo acrescentadas ao Reino. Peço as bênçãos do Senhor diariamente para anunciar o evangelho junto às mulheres e outros contatos que ainda surgirão.


Monique S. B. Bernardo

Durante a semana eu me reúno em casa com as minhas amigas e irmãs Luciana e Micheli para lermos as Escrituras e aprender como ser igual a Jesus. Nossos estudos estão sendo baseados no Sermão do Monte no evangelho de Mateus. É uma grande alegria compartilhar do mesmo amor, da mesma fé em Jesus e da mesma comunhão com pessoas tão especiais. Só agradeço a Deus pelo privilégio de estar pregando o evangelho junto com o meu esposo Luis e ajudando todos aqueles que já aceitaram Jesus como o Senhor e Salvador a permanecerem fiéis no verdadeiro Caminho.

Iniciamos este mês celebrando a Ceia do Senhor em nossa casa do mesmo modo como no começo deste trabalho, ou seja, apenas nós dois (eu e a Monique). E o que poderia parecer um retrocesso ou servir para nosso desapontamento, caso não compreendessemos que a igreja e a comunhão não depende de que todos os discípulos de Jesus se reúnam no mesmo local, muito pelo contrário, nos serviu de motivo para muita alegria. Celebramos a Ceia do Senhor sozinhos porque na verdade o Carlos e a Luciana, recentemente convertidos ao Senhor Jesus, tomaram a iniciativa de celebrarem a Ceia em casa demonstrando a compreensão do que de fato nosso Senhor nos ensinou e enviou a fazer. O que de outra maneira poderia demorar anos para acontecer, compreendendo o desenvolvimento orgânico da igreja sem depender de locais e "lideranças humanas", pôde acontecer na semana seguinte com novos discípulos servindo para em breve recerem seus amigos e parentes para ouvirem o evangelho em sua própria casa. Mais uma "igreja em casa" e assim o evangelho se espalha sem o controle humano.

Continuamos a receber em nossa casa novos amigos como a Aline, que trabalhou na mesma empresa que meu esposo Luis trabalhava e o Kiko. Ficamos muito contentes em receber outras pessoas, pois assim temos a oportunidade de compartilhar nossas vidas e um pouco do que Jesus Cristo tem feito por nós. Cumprir a grande comissão e levar o evangelho a todos só será possível se fizermos novas amizades e não somente nos mantermos em comunhão com os irmãos, mas compartilhar disso com outros que podem se achegar ao Reino.

Ou seja, pode-se e deve-se fazer uma coisa sem se esquecer da outra...

Esta é Camila, nossa irmã em Cristo e minha grande amiga. Nós combinamos de nos encontrar uma vez por semana para almoçarmos juntas no intervalo do seu trabalho. Durante o almoço compartilhamos de muitas coisas, inclusive o evangelho. Estamos fazendo isso desde janeiro desse ano e estamos gostando muito de aproveitar o horário do almoço para termos comunhão em Jesus.

Além disso, algo muito interessante que aconteceu neste mês foi descobrir que "as igrejas nos lares" ou "igrejas em casas" (sem querer com isso denominar o nome de nenhum novo movimento) é muito maior do que já sabíamos. Tínhamos informação de que muitos irmãos se reúnem em suas casas, trabalhos, barcos, quintais, escolas e onde quer que seja, sem dependerem da estrutura de nenhuma "liderança humana" ou existência de prédios em muitas cidades do Brasil, em vários estados. Mas em março de 2010 uma família que viu este blog entrou em contato conosco e convidou-nos a conhecer o trabalho que eles também realizam numa das cidades da região metropolitana de Curitiba, São José dos Pinhais. E nós fomos lá num domingo que, para nossa alegria, além de conhecê-los pessoalmente também conhecemos muitos outros irmãos que estão totalmente desvinculados de qualquer denominação religiosa, mas que mantém o compromisso apenas com o Senhor Jesus e Sua Palavra, Seu Evangelho. Foi uma experiência verdadeiramente espiritual extender a comunhão com pessoas com as quais nem imaginávamos que anunciávam a mesma mensagem, sem prédios, sem "lideranças", apenas a salvação, o batismo e a comunhão com a Ceia do Senhor. Além das diversas obras de evangelismo e serviço na comunidade onde vivem, são um verdadeiro exemplo esses irmaos de São José dos Pinhais.

Hoje sabemos que existem pessoas se reunindo em suas casas sem vínculo com nenhuma "religião" ou denominação em muito mais bairros e cidades da região de Curitiba, e também no estrado do Paraná. Descobrimos que existem pessoas no centro da cidade onde moramos, no bairro onde morávamos antes e a cada semana descobrimos ainda mais. Isso realmente é animador por sabermos que o Senhor está separando o Seu povo de muitas maneiras em muitos lugares, embora nosso foco continue sendo fazer novos amigos e alcançá-los com a mensagem do Evangelho de Cristo.

Em Campinas-SP

Neste mês também estivemos em Campinas - SP visitando nossos parentes, amigos e a família dos irmãos e amigos Miguel e Andréia. Eles são amigos do meu esposo Luis desde a infância e também aprenderam do evangelho com ele. Ambos são casados e tem três filhos (Kelvin, Miguel e Yago). No domingo (28) celebramos a ceia do Senhor junto com eles e os incentivamos a permanecer fiel no caminho do Senhor Jesus se reunindo em sua casa. Que Deus continue a abençoar esta família que é muito querida por nós.

Nessa mesma viagem visitamos alguns irmãos em Cristo, dentre eles a família do Roberto juntamente com sua esposa Raquel e suas filhas, porém nesse dia estava apenas sua filha Rúbia. Essa família foi em nosso casamento em Manaus e Roberto celebrou nossa 2ª cerimônia no encontro das águas (Rio Negro e Rio Solimões). Passamos à tarde de domingo com eles e foi muito bom estarmos nos confraternizando em Cristo com esses irmãos que são uma benção em nossas vidas.

Estivemos também reunidos em amor e comunhão com a família do meu esposo Luis. Ficamos hospedados o final de semana na casa de sua mãe e estivemos juntos com sua irmã Maria Helena, sua filha Victória Helena e seu esposo Armando. Foi muito bom passarmos tempo juntos e viver essa comunhão que somente em Jesus é possível. Graças a Deus a viagem foi uma benção e tudo deu certo conforme a vontade do Senhor e os desejos dos nossos corações.

segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

ABRIL DE 2010

“Eu plantei, Apolo regou, mas Deus é quem fez crescer; de modo que nem o que planta nem o que rega são alguma coisa, mas unicamente Deus, que efetua o crescimento.” 1 Co 3.6-7

No mês de abril vivenciamos muitas alegrias e pudemos ver com os nossos próprios olhos o crescimento do Reino de Deus através do evangelho de Jesus Cristo. Esta simples mensagem que é pregada sobre o Messias, o Filho de Deus que morreu na cruz, foi sepultado e ressuscitou no terceiro dia. É esta a mensagem poderosa, o evangelho de Jesus Cristo que salva e perdoa os pecados de todo aquele que crê.

Logo no dia 02, feriado, foi um dia muito especial! Eu (Luis) estava em casa estudando para um concurso público junto com um amigo da faculdade chamado Juliano, num ato que eu poderia considerar até egoista por se tratar de reservar o feriado para cuidar de algo referente a minha carreira profissional e não participar de um congresso entre obreiros cristãos, em que participei por quese dez anos desde que me tornei discípulo de Jesus Cristo.

Porém, ao invés de participar de um encontro nacional com outros homens cristãos e ficar ouvindo aquelas conversas sobre quem é que está na liderança de onde, se a palestra foi boa ou se o irmão falou algo polêmico, sem contar outras coisas desnecessárias de citar... bem, resolvi ficar em casa e, como durante aquela semana eu havia dito para o meu amigo da faculdade numa única conversa o que era o Evangelho de Jesus, depois de estudarmos para o concurso eu o convidei para ver o nosso blog e ver também juntos na Bíblia os textos nos quais me basiei para afirmar a ele o que era o Evangelho. Após cerca de 30 minutos ele então disse que queria ser batizado. Aleluia! E queria ser batizado naquele momento, sugerindo até que fossemos pedir a permissão de um lugar onde existe uma piscina pública aqui no centro da cidade mesmo, perto de casa.

Mas, como o Juliano havia combinado almoçar na casa da sua namorada e disse que queria também compartilhar sua decisão com ela, nós então combinamos que ele iria para lá enquanto encontraríamos um lugar para realizar o batismo. Eu disse que talvez poderíamos ir até São José do Pinhais para ele conhecer outras pessoas que se reúnem em casa e talvez o batismo poderia ser feito em um rio que eu imaginava existir parto do local onde iríamos. Assim foi combinado e mais tarde o juliano telefonou para nós dizendo que falou para namorada o que havíamos conversado em nossa casa e ela também tomara a decisão de ser batizada e tornar-se uma discípula de Jesus Cristo. Aleluia!!! E nós ainda nem a conhecíamos. Como a mensagem do Evangelho tem poder! Como Jesus é poderoso!!!

Então o Juliano e sua namorada, Carla, vieram até nossa casa, revimos alguns dos mesmos textos que lemos junto com o Juliano, além de mais alguns e fomos para São José dos Pinhais (região metropolitana de Curitiba). Chegando lá estavam reunidos numa programação especial com apresentação de um filme sobre a vida de Jesus para os vizinhos, na garagem da casa do Jorge. Eles ficaram muito felizes e de muitas maneiras animaram o Juliano e a Carla pela decisão tomada. O Evangelho foi enfatizado por várias pessoas e também ressaltado o fato de que a decisão deles não implicaria em um compromisso a participar de reuniões naquele local ou seguir nenhuma organização daquele grupo, mas unicamente um compromisso com Jesus Cristo e eles eram sempre bem vindos na comunhão, mas livres em Cristo!

Desse modo, por volta de 22h00, vários carros foram lotados com homens, mulheres, crianças e até bebê simplesmente para acompanhar o momento do batismo do Juliano e da Carla, em grande alegria todos cantavam, oravam e davam glórias ao nome de Jesus pela vida de mais dois novos irmãos. Algo muito impressionante numa demonstração sincera de felicidade pela salvação de outras pessoas, coisa que eu não havia presenciado até então, ainda mais durante a noite e num rio escuro. Pessoas que não teriam nada a "ganhar" com a conversão do Juliano e a Carla e que sabiam ser muito provavel nunca mais vê-los por morarem em outra cidade com compromissos muito diferentes de trabalho.












Depois dos batismos voltamos para a nossa casa, no centro de Curitiba, Carla queria tomar um banho quente pois estava com gripe, mas e nem isso a intimidou quanto a ser batizada. Sua convicção da salvação foi um grande exemplo para todos nós. Fizemos um lanche por volta da meia noite e nos despedimos do "novo casal". "1ª Viagem Missionária": Castro-Pr

“Todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo. Como, porém, invocarão aquele em quem não creram? E como crerão naquele de quem nada ouviram falar? E como ouvirão se não houver quem pregue? E como pregarão se não forem enviados? Como está escrito: Como são belos os pés dos que anunciam boas novas” Rm 10.14-15

No dia 03 de abril, na manhã seguinte aos batismos da Carla e do Juliano, lenvantamos as 6 da manhã e viajamos para Castro, uma cidade que fica no interior do Paraná. Fomos encontrar um casal que morava em Campo Grande - MS, Vaneide e Niemayer, que havia feito amizade com nossos amigos Alvaro e a Linda Pestana, mas nós só tínhamos tido contato por email. Este casal nos convidou para passarmos o final de semana com eles, podermos compartilhar da fé em Cristo e nos conhecer melhor. A viagem foi excelente e também todos os momentos em que estivemos juntos.

No domingo celebramos a ceia do Senhor juntamente com mais uma família convidada por eles. Foi uma grande benção, pois pudemos compartilhar o evangelho de Jesus Cristo. Agradecemos imensamente este casal muito especial que nos recebeu com muito carinho abrindo sua casa para a pregação da Palavra de Deus. Que o Senhor os abençoe!

Em nossa casa

Mais uma vez, através do nosso blog conhecemos uma família muito amada que se reúne em sua casa há quatro anos. Eles deixaram a denominação que faziam parte para somente seguir a Bíblia. Eles tiveram a oportunidade de ver o nosso trabalho das igrejas nos lares pela internet e gostaram muito. Eles entraram em contato conosco e nós os convidamos para estar em nossa casa, a fim de partirmos o pão em memória de Jesus. Eles aceitaram o convite e estiveram presentes para mais uma reunião de adoração ao Senhor no domingo. Estou me referindo à família de João Alfredo e sua esposa Sônia, juntamente com seu filho Alexandre e sua esposa Ana e a pequena Telma.

Além dessa família também estiveram presentes o casal Rodrigo e Graziela, que moram justamente na rua da casa onde morávamos antes de iniciar o trabalho em nossa casa, mas só viemos a nos conhecer em São José dos Pinhais. Nossa irmã Camila também estava novamente conosco e mais uma amiga da faculdade, chamada Raiana, que já esteve conosco em outros domingos junto com sua irmã e também com sua mãe. Foi uma reunião muito abençoada, quase não couberam todos em nossa pequena sala.

Estamos cada vez mais felizes em saber que o Reino de Deus é muito maior do que pensamos ou imaginamos. A chave é ouvir somente Jesus e não entrar nos méritos ou falhas das igrejas humanas.

“Pois vocês são salvos pela graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus; não por obras, para que ninguém se glorie. Porque somos criação de Deus realizada em Cristo Jesus para fazermos boas obras, as quais Deus preparou antes para nós as praticarmos.” Ef. 2.8-10

Nossa maior felicidade é vermos almas sendo salvas e pessoas sendo acrescentadas ao Reino de Deus. Mas, sabemos que isso não é mérito nosso, pois somos servos inúteis. Mas, Deus nos usa para pregar o seu amor, a fim de que muitos sejam salvos, porque todos pecaram e carecem da glória de Deus.

Damos glórias a Deus porque Ele nos chamou para sermos ministros do evangelho de Cristo e temos tal privilégio de anunciar a mensagem salvadora de Deus.

Monique S. Bernardo

domingo, 27 de dezembro de 2009

MAIO DE 2010

Cada um cuide, não somente dos seus interesses, mas também dos interesses dos outros.” Filipenses 2.4

PROJETO CUIDANDO
Este é o grupo do projeto “Cuidando mutuamente de si e do outro” formado por alunos da graduação do curso de Teologia da FEPAR.
O projeto foi criado pela professora Flávia Diniz (teóloga, pedagoga e psicóloga) e foi realizado semanalmente com o objetivo de aprendermos a cuidar de si e do outro de acordo com as necessidades de cada indivíduo.
Como aluna formando do curso de teologia foi uma experiência excepcional. Eu realmente pude aprender diversas maneiras de cuidar não somente de si, mas do meu próximo. Isto me ajudou a compreender a importância dos cuidados como forma de prevenção às doenças físicas e/ou psicossomáticas.

ESTUDO BÍBLICO

Durante a semana eu e Carla, nossa mais nova irmã em Cristo, estudamos as Escrituras a fim de aprender mais a respeito de Jesus e de como servi-Lo como discípulas Dele. O objetivo desses encontros é agradar a Deus acima de tudo.

“... Ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei.” Mateus 28.20ªPercebo que Carla tem pleno interesse em aprender cada vez mais a respeito de como viver a nova vida em Cristo.
Estou muito feliz de poder contribuir de alguma forma na sua caminhada rumo ao Céu. Peço oração aos irmãos pela vida espiritual da Carla e seu entendimento quanto à Palavra. Também pelos desafios da fé cristã que ainda virão.

VISITAÇÃO

“Amados, amemos uns aos outros, pois o amor procede de Deus. Aquele que ama é nascido de Deus e conhece a Deus.” 1 João 4.7

Estamos vivenciando uma nova experiência que está nos trazendo uma grande satisfação pessoal que é a de visitar uns aos outros. Realmente é muito gostoso estar com os irmãos e compartilhar do amor de Deus que está em cada um de nós.
Neste dia estivemos na casa de Alexandre e Ana Barros, nossos irmãos que se reúnem na casa deles no bairro Água Verde.
Passamos momentos muito agradáveis com este casal muito amado. Nós conversamos juntos, rimos juntos, oramos juntos e comemos um delicioso “pão balangandam” feito pela Ana. Sentimos que o amor é algo além das nossas expectativas humanas quando realmente amamos como Jesus nos amou.
Que Deus possa abençoar todos aqueles que praticam estes momentos como preciosos e como serviço ao Senhor, pois Ele nos amou primeiro entregando o seu Filho para morrer por nós, e, assim do mesmo modo, devemos nós entregar a nossa vida pelos nossos irmãos.
Alexandre e Ana Barros & Monique e Luis Bernardo

CEIA DO SENHOR NO DOMINGO

Já faz dois meses que estamos recebendo em nossa casa, nas reuniões de domingo para celebrar a ceia do Senhor, a Raianna, colega do curso de psicologia do Luis e do Juliano. Também, junto com ela sua mãe Bianca e sua irmã Raysa, que não está na foto acima.
Agradecemos a Deus por ter conhecido elas que são tão queridas e especiais. Que o evangelho de Deus possa ser aceito em seus corações e que Jesus possa ser o foco do nosso ensino e das nossas vidas diariamente. Esta é a nossa oração!

Em Cristo,

Monique S.B.Bernardo

sábado, 26 de dezembro de 2009

JUNHO DE 2010

Este mês de junho foi meu último mês na faculdade. Pois, desde o ano passado eu estive cursando Teologia na Faculdade Evangélica do Paraná (Fepar). O curso é uma validação de um ano para adquirir o diploma de 3º grau reconhecido pelo MEC para alunos com formação de “Bacharel em Teologia” em escolas de ensinos livres na área.
Agradeço primeiramente a Deus pela oportunidade de mais um curso. Pelo apoio constante do meu marido Luis e em especial, a escola SERCRIS (Serviço Cristão) em Campo Grande-MS, onde estudei por dois anos e aprendi muito sobre como ser uma serva de Cristo na Obra de Deus.
Veja meu trabalho de conclusão do curso

Ceia do Senhor em casa

Continuamos todos os domingos a nos reunir para juntos celebrarmos a Ceia do Senhor em memória de Jesus Cristo. Em especial nesse dia, comemoramos mais um ano de vida do Luis. Agradeço a Deus pelas bênçãos derramadas em nossas vidas.

Em Campinas-SP

Estivemos em Campinas no mês de junho no período de 2-7 e compartilharmos mais uma vez do Evangelho de Deus de casa em casa, porém dessa vez na casa da mãe do meu esposo Luis. Foi muito edificante ver os irmãos com o coração aberto para a Palavra do Senhor. Estamos orando para que cada vez mais esses irmãos tomem o gosto de se reunirem em suas casas todos os domingos celebrando a Ceia do Senhor e vivenciando o verdadeiro cristianismo puro e simples em suas vidas junto com seus familiares e amigos.
Que o Senhor os abençoe diariamente e os fortaleça no caminho, na verdade e na vida em Cristo Jesus.


No período em que estivemos em Campinas. Meu esposo Luis estudou o Evangelho com o Kelvin e Miguel, filhos dos nossos irmãos Miguel e Andréia.
Que o Senhor continue a abençoar esses meninos e oramos para que eles sejam também discípulos de Jesus Cristo.

Visita

Em Campinas visitamos uma família muito querida que nos convidou para jantarmos em sua casa. O Davi é muito amigo do meu esposo Luis desde a adolescência. Ambos cresceram no mesmo bairro onde moravam. Sua esposa Cléo é paranaense, mas hoje mora em Campinas com o marido e os filhos. Temos muito carinho por eles e esperamos um dia recebê-los como nossos irmãos na fé. Que Deus continue a abençoá-los ricamente em tudo e lhes conceda paz!

Este mês de junho comecei um trabalho novo em parceria com o meu esposo Luis na cidade de Curitiba - Pr. O trabalho é na área de dependência química. Meu esposo atende o caso como psicólogo clínico supervisionado pela professora de estágio dele e com o auxílio de um profissional da área da psiquiatria. Eu participo como auxiliar dele fazendo algumas intervenções e propondo atividades de estudos da Palavra de Deus. Peço orações aos irmãos por mais um desafio a ser cumprido no nome de Jesus.

Monique S. B. Bernardo

sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

JULHO DE 2010

Estivemos na cidade de Criciúma no estado de Santa Catarina há 486 km de Curitiba, visitando uma família de irmãos nossos na fé que se reúnem em sua casa há cerca de 8 anos. São eles: Aguinaldo e sua esposa Rose e seus filhos Sean, Hanna e o pequeno Emanuel. A história dessa família é muito interessante, pois eles conheceram a “igreja” através de um site. A Rose entrou em contato com a Luiza Stail, nossa irmã e secretária da congregação da Nove de julho (São Paulo - SP) e ela os encaminhou para os irmãos Bryan e Jacqueline Bost, pois eles até então moravam no Rio de Janeiro, mas logo iriam morar em Criciúma-SC.Bryan e sua esposa receberam a família em sua casa, São Paulo, e imediatamente eles, Aguinaldo e Rose foram batizados no nome de Jesus. Desde então, eles se reúnem em sua casa todos os domingos partindo o pão juntamente com outros irmãos. Seus filhos Sean e Hanna também são batizados, Sean ajuda o pai na celebração da ceia.

No domingo, reunidos para celebrar a ceia do Senhor, o marido de nossa irmã Neide, que também participa das reuniões de domingo, respondendo a uma pergunta de meu esposo Luis durante a reflexão e comunhão, falou-nos de sua decisão em aceitar Jesus tendo o desejo de se batizar e entrar para o Reino de Deus. Para nós foi uma grande alegria ouvir mais uma pessoa reconhecendo Jesus como o Senhor e Salvador e se arrependendo dos seus pecados.
Domingo na casa dos nossos irmãos Aguinaldo e Rose

Aguinaldo, este é também o seu nome, foi batizado nesse sábado (07) de agosto num rio perto de Criciúma. Todos que participaram se alegraram em ver não somente ele, mas seus dois filhos também sendo batizados e entregando as suas vidas a Jesus.
Batismo de Aguinaldo, Josias e Gabriel realizado pelo irmão Savério de Itajaí-SC

A viagem até Criciúma foi uma benção divina. A família nos recebeu muito bem e nos sentimos muito à vontade. Amamos conhecer novos irmãos em Cristo e saber que para nós foi edificante estar com eles fortalecendo-os a permanecer firmes no evangelho de Deus. Sabemos que o Senhor tem nos chamado para andar com Ele na luz e perseverarmos no seu caminho para ganharmos a coroa da vitória no dia do juízo. Estamos orando por essas famílias que lá ficaram e peço a oração dos irmãos também por eles.

Ainda não conhecemos os irmãos de Itajaí, mas sabemos que eles se reúnem lá em sua casa aos domingos partindo o pão em memória de Jesus. Apenas sabemos que seus nomes são Savério e Fátima, que eram da congregação da Nove de julho em São Paulo. E que é um casal muito amado que tem dado apoio aos irmãos de Criciúma.
Que maravilha é a família de Deus reunida em todo lugar! Realmente é o Senhor abrindo portas e corações no Sul do Brasil evangelizando e ganhando almas para Ele.

Visitas
Em nossa casa os irmãos Alexandre e Ana; no domingo na casa dos pais do Alexandre

Agenda Semanal e Projetos

Durante a semana temos realizado algumas atividades evangelísticas e projetos. Geralmente as atividades evangelísticas são vinculadas aos estudos da Bíblia com mulheres em nossa casa seja em grupo ou individual. Todas as terças, eu organizo as tarefas (estudos e aulas) a serem ministradas no decorrer da semana. Nas quartas tenho participado do grupo de mulheres que se reúne em São José dos Pinhais (região metropolitana de Curitiba) no período da tarde. Estas reuniões têm me edificado muito, pois os estudos e os momentos com as irmãs me trazem alegria no Senhor.
Nas quintas-feiras à noite, em casa, recebo as “meninas” para estudarmos em grupo a Palavra de Deus. Já na sexta, eu e Ana em sua casa no bairro Água Verde nos reunimos para orarmos e aprender mais a cerca do casamento e a submissão ao Senhor e aos nossos maridos. O final de semana para nós tem sido corrido e espetacular. Meu esposo Luis tem realizado um projeto no qual eu o acompanho, não só eu, mas também a Luciana (nossa irmã). O projeto é voluntário e vinculado ao Programa Comunidade Escola de Curitiba no bairro Sítio Cercado, na escola Rio Negro. O projeto é chamado de TMHSC (treinamento moral e habilidades sociais cristãs com adolescentes em atividades de skate) e conta com o apoio de alguns skatistas amadores que se tornaram nossos amigos. Confira o site deles: http://www.banxskateboard.com/

Nos domingos, nos períodos da tarde e noite em nossa casa ou na casa de outros irmãos celebramos a ceia do Senhor. Hoje, na cidade de Curitiba, sabemos que há mais de 5 casas que louvam ao Senhor no primeiro dia da semana.

O casal de irmãos Juliano e Carla já tem feito a ceia na casa da Carla junto com sua mãe participando e ouvindo mais sobre Jesus. Estamos contentes com isso e nos alegramos no Senhor que é o nosso único líder o qual nos redimiu na cruz e nos libertou através do seu sangue derramado em favor de todo o mundo. Glórias a Deus que nos amou de tal maneira que deu seu único Filho para que todo aquele que Nele crer não morra, mas tenha a vida eterna. Amém!

Agradecimentos:

Com a graça de Deus queremos agradecer primeiramente ao Senhor que nos amou e teve misericórdia de nós nos capacitando para atuarmos na Sua Obra. E aos nossos patrocinadores da Obra evangelística aqui em Curitiba e agora no Sul do Brasil.
Agradecemos aos irmãos Túlio e Elize Pereira de Curitiba que nos apóiam em tudo e também a igreja que se reúne na casa deles.
Também aos nossos irmãos de São Paulo que se reúnem em Pinheiros (André e Lívia) e aos irmãos Bryan e Jacqueline Bost de Tatuapé-SP na zona leste e também a igreja que se reúne na casa deles. As demais igrejas nos lares de São Paulo que nos apóiam financeiramente na Obra em Curitiba.
Aos irmãos e patrocinadores de Golf Course Road, Midland Texas. Nosso muito obrigado!
Muito gratos aos irmãos do Nordeste, especificamente os irmãos de Itarema-Ce que nos honram com seus emails cheios de ânimo. E aos nossos amados amigos e irmãos que se reúne em nossa casa. Cada um de vocês é precioso para nós. Gratos pelo apoio e amor ágape.
Somos muito gratos pelo apoio e confiança, não em nós, mas sabemos que em Jesus Cristo, pois Nele podemos confiar todo o nosso sustento. Obrigado pelas orações e pelo carinho te todos aqueles que nos incentivam a perseverar no Senhor através do exemplo de suas vidas como verdadeiros discípulos de Jesus.

Em Cristo,
Monique Shelley Bernardo


Acesse os próximos meses aqui